O eu detestável
24 de setembro de 2020
O macho alfa, o poder e o sexo
24 de setembro de 2020

Ter medo de sentir medo

Você acha que ler a Fenomenologia do espírito, de Hegel, não acrescenta nada para a vida corriqueira ? Ah, acrescenta sim.

Foi lendo Hegel que aprendi que quando a gente tem medo de sentir medo, é porque já está com medo. E isso dá para estender para muitas outras situações e agir de acordo, o que é mais importante.

Quer um exemplo ? Se você está envolvido com uma pessoa e começa a achar que vai se apaixonar, é porque já está apaixonado. Se isso é bom ou ruim, e, sobretudo, o que você vai fazer com isso é problema seu, claro.

Leia os pensadores, é sempre útil ! É o melhor meio de acabar com o mito de que a filô só fala de coisas abstratas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteudo protegido!